segunda-feira, 15 de abril de 2013

Evolução

Diz o Livro dos Espíritos, codificado por Kardec, que Deus - causa primária de todas as coisas - nos criou simples e ignorantes. 
Muitas pessoas têm dificuldades em aceitar como um ser simples e ignorante transforma-se em um bandido, um assassino ou um estuprador. Obviamente que um frágil bebê, à  medida que cresce desenvolve seu livre arbítrio adquirindo "gostos" que seus pais podem não ter. Se Deus é bondade, caridade e benevolência, acredito que jamais criaria uma criatura destinada ao mal. 

Tomemos Hitler como exemplo, visto que ele é  um grande exemplo da personificação da maldade.
Hitler nasceu em uma família estruturada, viveu tempos  com seus pais (antes que morressem), teve irmãos, tias e primos. Foi criado na religião católica, batizado, fez primeira comunhão e foi coroinha. Ou seja, teve uma religião. Teve condições de se tornar uma excelente pessoa.
Seu primeiro amor (não correspondido) foi uma jovem judia, e teve vários amigos judeus. Ajudou a fundar o partido nacional socialista dos trabalhadores alemães, cuja sigla em alemão era NAZI, de onde derivou a palavra nazista. Dentro desse partido nasceu então o desejo de uma raça pura alemã.
Por incrível que pareça, era contra o aborto (dos alemães, claro). Era a favor do casamento e da harmonia da família. E - pasmem -  graças a ele surgiu o fusca, pois entusiasmado para fazer a Alemanha progredir, financiou o projeto desse carro. Dizem que ele roubou a ideia de um engenheiro judeu. O que parece ser provável (leia "A verdadeira história do fusca"). Também era amante do Mickey Mouse, sendo que seu fiel escudeiro o marqueteiro Paul Goebbels comprava vários filmes desse personagem para agradar o Patrão. Dizem as más línguas que Walt Disney contribuiu financeiramente para a II GM.

Bem, como eu disse, Hitler tinha tudo para ser um bom governante. Mas o que aconteceu para que resolvesse eliminar todos os judeus da Alemanha? Por que resolveu seguir esse caminho obscuro?

Deus criou a todos simples e ignorante - repito. Se resolveu ir para o lado negro da força, não foi por obra divina, e sim porque aceitou a inspiração do "outro lado".
Fomos criados para evoluir e atingir a perfeição. Essa criatura resolveu não evoluir. Aparece então um antiespírita afirmando que Kardec disse que espíritos não regridem. E não regridem mesmo, vejam só:


193. Pode um homem, nas suas novas existências, descer mais baixo do que esteja na atual?
“Com relação à posição social, sim; como Espírito, não.”

194. É possível que, em nova encarnação, a alma de um homem de bem anime o corpo de um celerado?
“Não, visto que não pode degenerar.”
a) — A alma de um homem perverso pode tornar-se a de um homem de bem?
“Sim, se se arrependeu. Isso constitui então uma recompensa.”

A marcha dos Espíritos é progressiva, jamais retrograda. Eles se elevam gradualmente na hierarquia e não descem da categoria a que ascenderam. Em suas diferentes existências corporais, podem descer como homens, não como Espíritos. Assim, a alma de um potentado da Terra pode mais tarde animar o mais humilde obreiro e vice-versa, por isso que, entre os homens, as categorias estão, frequentemente, na razão inversa da elevação das qualidades morais. Herodes era rei e Jesus, carpinteiro.


O espírito pode, no máximo, estagnar, mas nunca regredir. O caminho é sempre para a frente. É por isso que o Espiritismo rejeita a metempsicose, que afirma, por exemplo, que um espírito humano poderia reencarnar como um animal.

Portanto, Hitler não evoluiu, estagnou na última encarnação. 


Os que não gostam do espiritismo dirão que isso tudo é baboseira, e que o  Espiritismo não é cristão, pois não aceita que jesus morreu por nossos pecados na cruz.

É claro que o espiritismo é cristão, visto seguir os ensinamentos de Cristo. E também acreditamos que Jesus morreu por culpa de nossos pecados. Se não fôssemos pecadores, se fôssemos espíritos perfeitos, jamais teríamos deixado Jesus ser crucificado.



SA

24 comentários:

  1. O exemplo de Hitler é para constar que não somos mais "simples e ignorantes", que já estamos numa plataforma superior, ou seja, "complicados e ignorantes"?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sobre esse tema, eu me antecipei naquele longo texto em que correlacionei Hitler e Chaplin ao Caim e Abel bíblicos.

      Idem, mencionei algo bem leve sobre casos assim no Viagens Maionésicas 9,no qual contei sobre a suposta "queda dos anjos".

      Em resumo,uma das razões para haverem pessoas muito maldosas,é a estagnação delas.
      Tenho a impressão de que nos "mundos do renascimento" existem grupos que dão proteção àqueles que não querem mudar, evitando que eles pratiquem muitas reencarnações.
      Isso que estou dizendo não é uma criação minha,mas é algo que vi implícito em alguns antigos textos esotéricos que li em publicações extinguidas.

      Outrossim,idem li um romance sobre a vida de Hitler.
      Ele foi antisemita desde a adolescência, e suspeito que foi por um entrevero pessoal que teve com algum cidadão de origem judaica.
      Ele escreveu uma autobiografia entitulada "Minha luta".
      Escreverei no futuro uma "viagem maionésica" em que irei especular sobre as personalidades passadas dele,só não irei escrever agora porque esse assunto ainda está fresco na memória dos leitores.(mencionei o caso,poucos meses atrás)

      Espero poder continuar expressando nesse blog tanto minhas idéias próprias,como a teleologia religiosa presente nos cânones do mundo.
      Isso me fará feliz.

      Excluir
    2. Hitler estagnou na última reencarnação? E quantas reencarnações ele teve antes?
      Se na penúltima ele mandou exterminar um povo inteiro, que é que deve ter feito nas vidas anteriores?
      Os rivailistas teimam em não entender que a evolução rivailista não tem lógica. Vale o velho ditado: o pior cego é aquele que não quer enxergar.

      Outra coisa: a Bíblia não diz em lugar algum que Jesus morreu por culpa de nossos pecados, mas que ele morreu para tirar os nossos pecados, o que é totalmente diferente.
      João Batista disse apontando para Jesus:
      "Eis o cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo". E qual era o significado do sacrifício do cordeiro?

      O profeta Isaías descreve detatalhadamente o objetivo da morte e ressurreição de Jesus;

      Isaías cap. 53

      "4 Certamente ele tomou sobre si as nossas enfermidades e sobre si levou as nossas doenças; contudo nós o consideramos castigado por Deus, por Deus atingido e afligido.

      5 Mas ele foi traspassado por causa das nossas transgressões, foi esmagado por causa de nossas iniquidades; o castigo que nos trouxe paz estava sobre ele, e pelas suas feridas fomos curados (morreu em nosso lugar).

      6 Todos nós, como ovelhas, nos desviamos, cada um de nós se voltou para o seu próprio caminho; e o Senhor fez cair sobre ele a iniquidade de todos nós.

      7 Ele foi oprimido e afligido; e, contudo, não abriu a sua boca; como um cordeiro, foi levado para o matadouro; e, como uma ovelha que diante de seus tosquiadores fica calada, ele não abriu a sua boca.

      8 Com julgamento opressivo ele foi levado. E quem pode falar dos seus descendentes? Pois ele foi eliminado da terra dos viventes; por causa da transgressão do meu povo ele foi golpeado.

      9 Foi-lhe dado um túmulo com os ímpios e com os ricos em sua morte, embora não tivesse cometido nenhuma violência nem houvesse nenhuma mentira em sua boca.

      10 Contudo, foi da vontade do Senhor esmagá-lo e fazê-lo sofrer, e, embora o Senhor tenha feito da vida dele uma oferta pela culpa, ele verá sua prole e prolongará seus dias (isto é, ressuscitará), e a vontade do Senhor prosperará em sua mão.

      11 Depois do sofrimento de sua alma, ele verá a luz ( ressuscitará e sairá do túmulo))e ficará satisfeito; pelo seu conhecimento meu servo justo justificará a muitos e levará a iniquidade deles.

      12 Por isso eu lhe darei uma porção entre os grandes, e ele dividirá os despojos com os fortes, porquanto ele derramou sua vida até a morte e foi contado entre os transgressores. Pois ele levou o pecado de muitos e pelos transgressores intercedeu."

      Excluir
    3. Na época de sua existência, uma parte da Europa era antisemita.
      No partido que ele fundou,ele foi o mais radical em tal atitude.
      Todavia, usou os sentimentos ruins pessoais e os do povo,para unir a todos em torno de causas comuns,que ele supôs que elevaria a motivação coletiva.
      Líderes populistas normalmente fazem isso,e costumam eleger um "inimigo comum" para o povo liderado,o qual pode ser o "capitalismo", o "terrorismo", o "ocidente",os "norte americanos" e até eventualmente, vilões das novelas das nove.(no caso do Brasil)

      Ainda bem que tipos como ele nessas paragens, teriam sofrido logo um belo impeachmeant.
      Todavia,é bom nunca exagerarmos na confiança que temos em nosso discernimento.
      Ditadores são elementos que desde muito jovens,conseguem ter um fascínio hipnótico sobre os grupos.
      Nem eles entendem de onde vêm o carisma que possuem.

      Excluir
    4. Estou fazendo tratamento dentário- tomando antibióticos,e por isso,ando um pouco "xarope".
      Mesmo corrigindo o texto acima duas vezes,deixei um erro de concordância que irei rever agora.

      "que ele supôs que elevariam a motivação coletiva".

      O interesse dele foi unir o povo em torno da causa da guerra,e da destruição de outras comunidades,a fim de gerar crescimento industrial e garantir empregos.
      Podem chocar-se à vontade, o tema não presta mesmo.
      Ainda nos dias atuais,o belicismo gera empregos em alguns locais.
      Dr.George Bush,ex-presidente dos EUA,investiu nisso sem parar.
      Todavia com tal atitude,deixou "de presente" uma crise econômica no país dele,a qual atingiu o mundo.
      Só recentemente é que,segundo dizem,a economia do nosso amigão do hemisfério norte,deu sinais de recuperação.

      Não confio em prosa de vendedor de bilhete de loteria,nem em políticos neurastênicos.
      Tal voto de confiança não dá bons resultados.
      No primeiro caso,perdemos o dinheiro,e não acertamos a quina.
      No segundo,a consequência pode ser pior.

      Excluir
  2. Quando falamos em evolução e revolução falamos em vários anos, décadas ou até em escalas de milhares de anos. No caso do espírito humano, não vejo como falar em qualquer tipo de projeção, principalmente porque não há como enxerga-lo, quando muito medir alguns de seus predicados, se é que espírito tem predicado.

    Lembro do professor de biologia que comentou sobre a teoria da evolução. Ele disse que nós não temos rabos como os nossos primos primatas é porque deixamos de usar e ele caiu por desuso. A classe inteira caiu em gargalhada.

    Voltando ao caso de Hitler, isso me fez lembrar da bomba de Hiroshima, uma arma poderosa que fez em alguns minutos o que Hitler precisava de vários meses para destruir uma cidade inteira. Isso sim é evolução, é fácil de medir, basta contar o número de corpos, se é que sobrou algum. Claro que foram os japoneses que atacaram primeiro Pearl Harbor, mas precisava jogar outra bomba em Nagasaki? Os judeus pelo menos tiveram tempo de rezar e pedir perdão ao Pai Todo Poderoso. Os japoneses que nem tiveram tempo de gritar "doeu!"

    Se Deus deixou algum espírito dentro de nós, eu não tenho tanta certeza sobre a possibilidade de evoluir, principalmente com tantas cicatrizes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hitler sofria de flatulência incontrolável e tomava injeções de sêmen de búfalo

      Segundo os documentos, Hitler sofria de uma flatulência incontrolável. Além disso, ele tomava cocaína na veia, como quem recebe uma dose de remédio. Mas o dado mais curioso é sobre a vida sexual de Hitler: ele tomava injeções de sêmen de búfalo para melhorar a libido. (vi no HuffingtonPost, dica do @alvez)

      Excluir
    2. Mais uma vez um sujeitinho sem noção e sem educação clona um participante novo, provavelmente para confundir o pessoal do blog. Não fui IEU que postou esta mensagem idiota acima. Neste caso cumpre que nos perguntemos: a quem isto pode interessar? O pessoal mais acostumado neste blog deve saber qual ou quais participantes tem costume de agir deste modo imbecil.

      Mas não liga não pessoal, cada um tem o blog que merece.

      Excluir
  3. Que vergonha para nós.

    Enquanto falávamos no tema,nem lembramos do que os japoneses passaram,sendo que tem alguém dessa descendência nos acompanhando.(o sr.)
    Esse é mais um ponto contra o tal do Hitler.
    Ele provocou uma tragédia horrível no mundo inteiro.

    Imagino a dor que vcs levam dentro de si, que é a dor de não terem podido emitir um ruído sequer.
    Não tiveram o direito a uma luta pela sobrevivência e foram logo esmagados.(é feio de dizer,mas é verdade)
    Imagino que até hoje os japoneses temem não ser donos de si mesmos realmente,e que lhes assombra o fantasma de uma bomba jogada em cima deles, e acabando com seus pressupostos morais.
    Toda a moralidade virando uma vilania de um momento para o outro,pois psiquicamente, costumamos nos acusar do que nos acontece de errado,porque essa é uma forma de defesa do ego contra a autodestruição.
    Em alguns desenhos animados nipônicos,já vi a bomba usada como solução para disputas entre grupos,o que significa que ela é um símbolo ruim na história do país.

    Por momentos,me chateei,sr.Hosaka.
    Mas,já voltei ao normal.
    Afinal, estamos em outros tempos,não?
    E somos felizes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por engano, postei a resposta como "comentário adicional",quando eu queria por o mesmo na caixa de respostas.
      Mas,já que ficou assim...ao menos ficará entendido que repliquei ao comentário do sr.Hosaka.

      Excluir
    2. Não precisarei mais escrever no espaço do vídeo postado por último(Alienação) já que me expressei aqui (o texto da Selma foi tocante)- e proseei com o sr.Hosaka.
      Acrescentarei uma observação a um comentário a um papo com o Adilson ocorrido na página do penúltimo texto-;

      ele tentou me provocar semanas atrás para eu listar minhas supostas correlações com a Safo de Lesbos.
      Já estou saciada disso,mas de todo modo,não pretendia mesmo praticar esses devaneios num site onde eles(tais devaneios) seriam rejeitados.
      Se nem meus assuntos normais,e considerados compatíveis com todos os temas são desmerecedores de críticas locais.
      Idem já pensei em escrever nesse blog(daqui uns anos) um melodrama que já tem um título, e que se chama "a poetinha",onde eu narraria a vida dela de forma fantasiosa e emprestando minha personalidade atual à mesma.(irei escrever no blog Onírica,quando eu puder me ocupar disso)

      Minha vinculação com a literata do passado,é um tema a
      ser falado bastante só com os melhores convivas.
      E o sr.Hosaka não precisa me ouvir sobre isso,porque para ele,essa seria uma prosa chatinha.
      Mas,bem que eu gostaria de saber que ele aprecia meus outros assuntos.

      Uma boa noite a todos,uma boa noite a ele.

      §§§§§§§§§§§§§§

      Excluir
    3. 233 -> (...)Hitler estagnou na última reencarnação? E quantas reencarnações ele teve antes?
      Se na penúltima ele mandou exterminar um povo inteiro, que é que deve ter feito nas vidas anteriores?
      ---
      esse 233 é mais burro do que uma porta... ele não consegue entender que o "mau carater do individuo" embora esteja presente em diversas reencarnações pode não ter possibilidades de se manifestar "em grandes matanças" em todas elas...´

      mero e simples exemplo... "se Hitler em reencarnação anterior, embora com o mau carater que lhe é proprio, fosse um simples
      varredor de ruas sem qualquer expressão nos órgãos do poder e das grandes decisões... quantas mortes ele teria oportunidade de executar??... possivelmente aquelas que qualquer criminoso em serie consegue e que nada têm a ver com matanças em enorme escala... mas...

      ... a Dr.ª Selma, quando colocou o texto de o OLE acima, com certeza estava ciente que tal como Mestre Maior fez notar: perolas a porcos é desperdício....


      Excluir
    4. Agora o lusitano vem com a pérola de que existe "instinto mau recessivo" que pode ficar latente em várias encarnações e vir à tona quando a posição ocupada numa vida o permitir.

      É muita cambalhota intelectual para justificar Rivail, numa dessas acaba quebrando o pescoço, como quando admitiu que o Chico Xaveco foi vítima de obsessores.
      Ora, se o espírito tem em si o caráter mau recessivo que não se manifesta por falta de condições, então não está evoluindo coisa nenhuma, porque quem evolui é o espírito, e não seu tipo de vida. E onde fica o "plano reencarnatório" organizado pelos mentores superiores?

      Hitler devia, em reencarnações anteriores, matar criancinhas e comê-las cozidas e fritas, se existisse mesmo a evolução rivailista.

      Positivamente, o Rivailismo é contraditório e ilógico, e quem o segue é porque quer ser enganado, como quem vê um farsante com fitas regurgitadas e diz que parecem fitas, mas não são!

      Excluir
    5. ... é burro demais esse 233 (questão de porcos e perolas)..

      não é tão difícil assim entender que o carater, feitio, índole... do individuo está lá nas diversas reencarnações... o puder de o usar é que pode variar consoante as possibilidades de manobra segundo os cargos que ocupe... ou até físicas...

      evidentemente que não deixará de usar sua evolução intelectual para analisar consequências de forma mais avançada, e moderar/refrear esse carater, como é logico...

      por exemplo... muitos dos "grandes matadores" que antecederam Hitler (se é que ele não foi um deles)... se no seu tempo tivessem poderio atómico, possivelmente, a humanidade já era... :)...

      olha o que dá porcos não digerirem perolas... dá 233 pela certa!!... :)))...



      Excluir
    6. Adilson, seu clarividente!

      Houve mesmo essa especulação em relação a uma vida passada de Hitler,e ela foi feita por um grupo de judeus estudiosos da cabala.
      Releia seu texto para o sr.Vaivolta.
      Vc sabia da história desse selvagem?

      Ela estará inclusa numa futura "viagem maionésica" minha.

      Excluir
  4. Respostas
    1. Até que não. Como eu sei pouco sobre o trabalho do professor Rival , fico imaginando se é possível consolidar conceitos que ouço todo dia como evolução, bênção, respeito, entre tantos outros. Aprecio como o Sr Adilson monta os seus argumentos, principalmente a sua exemplar forma de admoestar o nosso amigo do outro lado do Atlântico.

      Excluir
    2. Sr. Hosaka, no fundo , no fundo, o que o sr. V-V-ai-sem-Volta (e já vai tarde) afirma é que a doutrina do professor Rivail está contida nas entrelinhas das entrelinhas do que escreveram aqueles que eram discípulos de Jesus!
      Parece que os escritores do Novo Testamento se reuniram para combinar que escreveriam uma coisa, enquanto queriam dizer outra. Mas essa outra coisa oculta só seria desvendada dezoito séculos depois, quando um professor de pré-adolescentes na França usaria duas mocinhas para receber as instruções verdadeiras sobre o que ensinou Jesus.
      O interessante disso tudo é que os espíritos do Plano Espiritual Superior enviado por Jesus desconheciam coisas elementares, como a impossibilidade da abiogênese e a razão pela qual a Lua mantém sempre a mesma face voltada para a Terra! (Isso é que é superioridade).
      Depreende-se disso tudo o seguinte:
      1) Jesus era mal intencionado ou muito preguiçoso, porque levou dezoito séculos para consertar o ensino apostólico;
      2) Os ensinos "verdadeiros" continuam ocultos da maior parte das pessoas, porque, no mundo inteiro, poucos são seguidores de Rivail;
      3)Esses espíritos por Jesus para revelar a verdade mostram que Jesus era mentiroso e farsante, porque sabia, por exemplo, que Lázaro não estava morto, mas disse aos discípulos que ele havia morrido e, depois, fingiu ressuscitá-lo numa cena teatral.
      Será que alguém de mente sã, por mais que queira, pode concordar com o nosso prezado e educado peruquista de além-mar?
      E nem precisaria citar que o ilustre lusitano disse que acredita piamente ao mesmo tempo na mediunidade do falecido Chico Xaveco e nas pesquisas da NASA, embora o farsante emperucado tenha descrito Marte como um planeta maravilhoso com habitantes alados e a NASA tenha mostrado milhares de foto de um planeta inóspito, cheio de apenas poeira e pedregulhos.

      Excluir
    3. O problema que pode ter o sr. Hosaka ao ler os devaneios da srta. LG é ser influenciado pelos conhecimentos geográficos dela e acabar, um dia, ensinando à pequena Raquel que a ilha de Lesbos ficava na Etiópia.

      Excluir
    4. :)))... engraçado por ridículo demais a maneira como esse macacão 233 aproveita todas as oportunidades que os menos aptos no conhecimento da D. Espirita lhe proporcionam com elogios fúteis...

      Evidentemente que de minha parte não tenho duvidas absolutamente nenhumas que é mais difícil o Hosaka aceitar que está num processo de evolução Espiritual que o levará a uma perfeição tal que nem desconfia onde chegará...

      ... do que acreditará com mais facilidade que vai virar pó e que assim vai estar até ao dia de são nunca, para depois ser reconstruido e voltar cá para ser julgado e depois voltar ao nada como se ele nada tivesse sido... :)...


      Enfim... o "deus" do triste 233 já tinha escolhido os "salvos" antes do buuuuuuumm para a formação do Univ e mesmo assim quis que um inocente fosse martirizado barbaramente para tirar os pecados dum mundo que continua exteriorizando pecado por tudo quanto é sitio...

      :)))... pois que continuem nessa que essa me dá muitíssimas mais razões para eu continuar com o PURO CRISTIANISMO/D.Espirita...

      "fareis o que faço e até mais"/Jesus

      Excluir
  5. Quanta baixaria! Esse 233 é o rei da baixaria, desde os tempos do UOL religião. Dona Nihil continua a mesma. E parece que aquele ateu gayucho também anda por aqui.

    ResponderExcluir
  6. Respostas
    1. Oi, turma nova!

      Como vão vossa nostalgia? (dos velhos sites onde estivemos)

      Excluir